segunda-feira, 2 de julho de 2018

[NEWS] Peem e Emma se divertem ao gravar MBOke



O povo tailandês ama caraoquê; é uma atividade bem divertida para fazer com os amigos. Por isso, faz-se necessário um game show para os amantes da música e do caraoquê. Então, a gravadora MBO criou o programa MBOke:  Suek Wan Ching Mic (MBOke: Mic Battle) na Line TV.
O show é dividido em três partes, permitindo aos participantes mostrar seus talentos e conhecimento musical. As equipes competem umas contra as outras - uma equipe é de cantores da MBO, a outra é formada por cantores ou DJs experientes.

A S Weekly se encontrou com dos artistas de MBO - Thannabordee Jaiyen (Peem), 21, e Emika Grant (Emma), 19 - no escritório da MBO para falar sobre o show e suas experiências como DJs no Get102.5.



Você gosta de ir à caraoquês?
Emma: Sim, eu sempre pego o microfone e canto quando estou no caraoquê. Eu gosto de mostrar meus talentos. Eu gosto de cantar músicas do Evanescence e outras bandas de rock. Às vezes eu fico em pé na mesa quando estou cantando!
Peem: No ensino médio, eu gostava de jogar boliche e cantar no caraoquê com os amigos. Mas eu não cantava muito porque meus amigos gostavam de cantar músicas tailandesas, e eu não conhecia muito bem.

O caraoquê ajuda você a melhorar como cantor?
Emma: Não, mas isso me lembra porque eu queria me tornar cantora - é divertido.

Como foi aparecer no MBOke?
Peem: Eu estive no programa várias vezes e é sempre emocionante. Eu gosto de competir com as outras celebridades.
Emma: Eu me diverti, apesar de não ter recebido o retorno que esperava!

Qual segmento do show é o seu favorito?
Emma: Eu gosto da parte em que as crianças murmuram músicas e temos que adivinhar qual música elas estão cantando. Foi tão difícil. Eu nunca vi esse tipo de coisa em nenhum outro show.

Por que as pessoas devem assistir o MBOke?
Emma: Tem um formato divertido e há prendas divertidas para os perdedores. Eu perdi uma vez e tive que comer wasabi. Eu não posso comer nada picante, então essa foi uma experiência que eu nunca vou esquecer.
Peem: Não é uma competição de canto séria. É como se você estivesse saindo com amigos. O show tem muito charme.



Você sempre quis ser DJ?
Emma: Absolutamente. Meus pais costumavam ligar o rádio enquanto me levavam para a escola quando eu era criança. Uma das estações que ouvimos foi Get102.5. Então fiquei emocionada em me tornar parte do time de DJs.
Peem: Eu nunca esperei trabalhar como DJ, mas descobri que é um trabalho divertido. Me sinto confortável fazendo isso.

O que você aprendeu sendo DJ?
Peem: Eu aprendi a falar como um DJ e como usar todos os equipamentos na estação de rádio. Eu tenho que pensar mais rápido, melhorar meu conhecimento geral e manter-me atualizado sobre notícias locais e internacionais.

Por que as pessoas ainda precisam de DJs quando podem escolher as músicas que desejam ouvir nos aplicativos de música?
Peem: Quando as pessoas estão sozinhas e ligam o rádio, o DJ é como um amigo tocando música para elas. E percebi que os vídeos de reação são muito populares agora. Eu acho que eles são populares porque os espectadores querem se sentir como se tivessem amigos assistindo a vídeos com eles.

Como vocês descreveriam um ao outro?
Peem: Emma é uma pessoa divertida. Trabalhamos juntos muitas vezes e sempre nos divertimos.
Emma: Peem é tão animado. Seus níveis de energia nunca diminuem. Ele é tão jovem e fresco.

Créditos: Bangkok Post
Tradução: Deh @TMBR
Favor não retirar sem os devidos créditos!

Nenhum comentário: