quarta-feira, 14 de março de 2018

[#NEWS] O retorno de Bell Supol


Supol Phuasirirak (Bell) tem sido um grande nome no negócio da música por mais de uma década. O cantor é mais conhecido por seus sucessos pop "Mai Thammada (Extraordinary)" e "San Lan Natee (Cem bilhões de minutos)". Mas depois do lançamento de "Secret Crush" em 2015, ele sumiu.

Bell decidiu que queria fazer algo diferente e trabalhava duro para encontrar um novo som. Levou quase um ano para criar o single R & B, "Tor Ra Man Tua Ang (Torturing Myself)". A música foi o resultado de uma colaboração com o produtor Ohm Puntapol, do Cocktail, e com o compositor Toy Thanwa, mais conhecido como The Toys . A julgar pela resposta entusiasmada no YouTube, valeu a pena esperar.




Por que demorou muito para liberar "Torturing Myself"?

Bell: Queria encontrar um novo som. Experimentamos muito. Se continuássemos fazendo coisas do jeito antigo, isso levaria menos tempo. Mas eu não queria fazer isso. Eu queria me divertir. Estou entusiasmado por ter algo diferente para mostrar as pessoas, apesar de terem tido um risco.

Por que você pediu a The Toys para trabalhar com você?

Bell: Mesmo após o seu sucesso inovador com "Nah Nao Tee Laew (Last Winter)", as pessoas realmente não sabiam quem ele era. Mas seu trabalho foi interessante e eu gosto de trabalhar com pessoas novas. Então eu entrei em contato com ele e perguntei se ele queria fazer algo comigo. Ele voltou com uma demo para a música.

Como você chegou com letras?

Bell: The Toys escreveu a versão original. Suas letras usam a expressão, "me torturando". Gostei e decidi mantê-la. Então, escrevi algumas letras novas com Ohm. É uma música amarga e doce sobre um relacionamento antigo que é meio esquecido, mas de repente retorna em um flashback.


Você estava preocupado antes de lançar a música?

Bell: Claro. Sempre tenho medo de que não seja bom o suficiente. E eu estava muito preocupado com o fato de a música não me servir. Estou na música por um tempo e as pessoas estão familiarizadas com o meu estilo. Eu tenho que ter certeza de que a música é o ajuste certo.

Como foi filmar o video musical em Wang Takrai?

Bell: Foi a minha primeira vez a fazer um vídeo no campo. A localização era linda, mas estava frio porque estávamos lá em dezembro. No set, usávamos roupas leves. Assim que terminamos uma cena, a equipe nos trazia cobertores e garrafas de água quente para nos aquecer. O vídeo recebeu feedback muito positivo, por isso valeu a pena.

Você costumava se preocupar em não ser um excelente artista. Você ainda se sente assim?

Bell: Estou muito menos preocupado com isso agora. No final do dia, não quero me pressionar demais. Há tantas outras coisas sobre as quais se preocupar como cantor. Por exemplo, você está sempre estressado antes de um show. Mas você não quer mostrar isso durante o show. Você deve levar alegria para o seu público.



O que foi fazer e como foi o  Festival Tailandês no Vietnã no ano passado?

Bell: O público foi muito legal. Eles conheciam músicas tailandesas de dramas de TV. Eu estava animado para me apresentar em um país diferente. Eles sabiam cantar até "Cem bilhões de minutos".

Você foi um ator convidado no programa de televisão Yes, I Do, no ano passado. Como isso se compara à atuação em músicas?

Bell: Não foi tão diferente. Fazer clipes me ensinou como atuar. No show, tive que me concentrar nas minhas linhas e aprender a me mover. Foi uma ótima experiência. Eu quero fazer mais atuação.


Créditos: Bangkok Post
Tradução: Deh @TMBR
Favor não retirar sem os devidos créditos!

Nenhum comentário: