sábado, 29 de julho de 2017

[NEWS] Trio de rock realiza seu comeback



Há seis anos, quando a banda de rock Clash acabou, os fãs ficaram aliviados em ver que os membros começaram outros projetos.

O guitarrista do Clash, Thapana Na Bangchang (Hack) começou a banda SDF em 2013, com quatro amigos. Eles tocaram em vários shows pelo país e tiveram duas músicas — “Sutri(To the Extreme)” e “Kerd Ma Puer Rak Ther (I Was Born to Love You)” — em dramas televisivos em 2014.



Mas, depois desse sucesso inicial, as coisas não funcionaram como no plano original e o SDF deu um "tempo". Posteriormente, eles trocaram a linha de frente e assinaram com a Grand Musik, da GMM Grammy. Agora como trio — Hack, o cantor Nitinan Chantaradecha (Champ) e o baixista Chirasak Faising (Tai) —, o SDF lançou seu single de retorno "Yindee Tee Dai Rak (Glad That I Loved You),” o qual já atraiu aproximadamente cinco milhões de visualizações no Youtube.

O que significa SDF?
Champ:
Sexo, Drogas e Família. O compositor Patiwet Uthaichalerm (Fongbeer) foi quem sugeriu. A ideia é que nossa música seja para ambos os sexos, como uma droga para nós e que transforme nossa banda e fãs numa grande família.

Como se sentem a respeito do retorno do novo single?
Tai:
Estamos todos muito felizes. O vídeo teve um milhão de visualizações logo nas primeiras semanas. Foi muito bom.
Champ: Nós não lançamos nada em dois anos, então nossos fãs esperaram bastante tempo. E acho que nossa nova imagem ajudou também. Somos um trio agora, o que nos deu uma cara diferente. E estamos em uma nova gravadora. Acho que nos deu uma maior visualização.

Podem explicar a troca de integrantes?
Hack:
Os outros membros decidiram sair por diferenças criativas. Eles quiseram seguir caminhos diferentes e isso foi bom.
Champ: Trabalhamos bem como um trio e é melhor para tomarmos decisões.

Nos contem um pouco sobre a música nova, "Glad That I Loved You.”
Hack:
É outra balada, que é um estilo que somos conhecidos. Mas nós a tornamos um pouco mais puxada do que nossas músicas anteriores.
Champ: A letra é sobre um cara que recentemente recebeu um fora. A menina o deixou por outro cara. Ele está magoado mas mantem a dor para si. Ele não fica irritado, prefere ficar com as boas memórias do relacionamento.



Hack, é verdade que a música foi baseada em uma experiência sua?
Hack:
Em partes. Um dia, quando estava limpando meu quarto, achei umas fotos antigas da época da faculdade. Tinha várias fotos minhas com minha ex. Aquelas memórias voltaram fortes na minha cabeça e fiquei saudoso.

Além do videoclipe,vocês lançaram um mini filme. Por que?
Champ:
Sim, um filme de 12 minutos. Está se tornando algo necessário para os artistas, hoje em dia. Os fãs entendem melhor as estórias por trás da música e do clipe.

Os fãs vão ter que esperar mais dois anos para uma próxima música?
Hack:
Provavelmente não. [Risadas]
Champ: Estamos muito felizes com o contrato com a Grand Musik. Temos grandes planos para o próximo ano. Entraremos em turnê e lançaremos músicas. Os fãs não terão de esperar muito tempo para mais músicas.

Fonte: Bangkok Post
Tradução: Deh @TMBR
Favor não retirar sem os devidos créditos.

Nenhum comentário: