sexta-feira, 12 de maio de 2017

[NEWS] Pae lança novo álbum


Arak Amornsupasiri (Pae) gosta de ficar ocupado. Desde que começou no showbiz como guitarrista da banda Slur, ele sempre se manteve ocupado.

Agora, aos 32 anos, o artista é um dos mais conhecidos rostos em comerciais, em revistas, e também em alguns dramas e filmes. Mas, além de sua carreira como ator e modelo, Pae nunca deixou de fazer o que ama: a música.

No início deste ano, ele lançou Wood and Steel, seu terceiro album solo e o segundo sob o nome Pae Arak and the Pisat Band. Produzido por Hugo Chulachak, o album de 16 canções é um trabalho ambicioso, dividido em duas partes que focam diferentes estilos musicais. O primeiro traz um folk pop acústico, o qual Pae é mais conhecido por trabalhar, enquanto o outro relembra seus dias como parte da banda Slur. 

Um pouco depois do lançamento de seu último single, “Lor (Wait),” a S Weekly encontrou com o cantor e compositor para conversar sobre seu último album, suas composições e colaborações com Hugo.


Por que nomeou o novo album de Wood and Steel?  Pae: Wood representa as oito músicas acústicas do album, enquanto Steel representa as oito canções elétricas.  

Pode nos contar um pouco sobre o single “Wait”?
Pae: É o quinto single do album e provavelmente o que terá um videoclipe [risos]. "Wait" talvez seja minha música prediletda de "Wood and Steel". Normalmente, evito compor letras sobre amor porque as acho muito clichés. e o conceito de "Wait" não é muito original - é sobre estar apaixonado por uma pessoa comprometida. Mas pude escrevê-la de um jeito todo meu, e me orgulho disso.
 
Por que você decidiu incluir tantas músicas em um só album?
Pae: Escrevi muitas músicas como preparação para o album. Os dezesseis que que foram para o álbum foram os selecionados de uma lista de quarenta. Acho que é uma boa ideia deixar que os ouvintes escutem músicas de cada estágio de minha carreira musical. Fica mais fácil para mim de mudar de de direção, em um futuro, se quiser.
 
Por que você decidiu incluir músicas eletrônicas?
Pae: Fiquei muito apaixonado quando pelo folk acústico quando fiz o primeiro álbum. Então, para o segundo, quis músicas em estilo country, que foi a base do Pisat Band. Mas, desta vez, Hugo sugeriu que eu não tivesse limites com gêneros musicais. Ele me pediu para fazer umas músicas no estilo puxado para o eletrônico, para que eu pudesse ter mais flexibilidade. Então, em meu próximo album, talvez tente só eletrônico ou hip hop, quem sabe? [risos]



Pode nos contar como foi trabalhar com Hugo?
Pae: Ele é um ótimo amigo, além de ser um de meus ídolos. Nos conhecemos há muito tempo. Primeiro, pedi a ele que ouvisse minhas demos, quando assinei com a What the Duck Records, e ele me ofereceu produzir algumas músicas. Hugo possui sua própria visão musical e eu fiquei confiante que ele traria algo interessante. Eu nunca tive alguém que produzisse minha música, nem mesmo com o Slur. Então foi uma experiência diferente.
 
Quais são seus planos para o futuro próximo?
Pae: Bem, estamos fazendo uma tour, no momento. E eu ainda preciso ver como promover as músicas que não serão lançadas como singles. Há muitas músicas boas que as pessoas ainda não ouviram.

Você tem algum show em uma data próxima?
Pae: Sim, há o show oficial da What the Duck dia 25 de Maio, a Duck on the Rock. Iremos tocar com outras bandas incríveis da gravadora, como a De Flamingo, Chanudom e uma nova banda chamada Toys. Espero ver todos lá!

Créditos: BK Post
Tradução/Adaptação: Deh @TMBR
Favor não retirar sem os devidos créditos!

Nenhum comentário: