quarta-feira, 9 de março de 2011

Cultura Thai - Coisas de Thai

Sawatdee ka! *suk*
Meu nome é Deborah e sou uma das colaboradoras do blog. Estou meio que me responsabilizando pela parte cultural da Tailândia, assim quando vocês forem para lá ou conhecerem algum tailandês, vocês não ficam tão perdidos com algo que façam. Na realidade, vou falar das coisas "WTH" que acontecem na cultura tailandesa. E olha, não são poucas!
Aceito sugestões de assuntos sobre cultura e língua;

CULTURA THAI - COISAS DE THAI

1 - Terra do Sorriso

A Tailândia é conhecida como Terra do Sorriso. Mas diferente de nós, que sorrimos e rimos por poucas coisas, eles sorriem por uma variedade de coisas. É como se juntasse um monte de coisa, sabe, você estar lá, falando com eles, o dia estar bonito, pintar a unha de azul, nunca é uma coisa só. No geral, os tailandeses são simpáticos, vão falar contigo numa boa; pelo menos os mais jovens, que falam um certo inglês e vão querer saber o que você está fazendo lá.
Os tailandeses têm concepção de que a vida é pra ser vivida mesmo e tem que ser divertida. Então você sempre vai vê-los sorrindo, fazendo piadas, se divertindo, enfim, "curtindo a vida". Não se espante. A tristeza é momentânea.

2 - Respeite sua religião

No Brasil, na China, onde quer que você vá, respeite a religião alheia. Os tailandeses, em sua grande maioria, são budistas Therevada (o Budismo é dividido). Assim como tem gente que respeita você ser católico, evangélico, etc, respeite-os também.

3 - Respeite o Rei

A Tailândia é um país de monarquia constitucional, o que quer dizer que eles possuem um Rei. O Rei é uma figura muito, mas muito importante no país; tanto que no aniversário dele e da esposa, é declarado feriado e tem festa. Assim como eles têm esse respeito, eles esperam que você também tenha. Sua mãe é sagrada pra ti? Além da família, o Rei é sagrado para eles. Respeite-o.
O Hino Nacional é tocado três vezes ao dia, mais ou menos às 8 da manhã e 6 da tarde e antes de filmes no cinema. Se tocar, levante e mostre respeito.
Como comentário pessoal, eu acho isso muito legal. Claro, deve ser chato sempre que você for no cinema, tocar o Hino. Mas pelo menos, quando chegasse a época da Copa ou algo do gênero, não teria tanta gente sem saber o Hino do próprio país!

4 - Nunca toque alguém na cabeça

Sabe a velha estória do "pedala"? Nunca, em hipótese nenhuma, nem cogite nem respire nem pense - fazer isso com um tailandês. Primeiro que você vai perder o amigo, ou pelo menos muito da amizade; e segundo, que cabeça para o pessoal dessa cultura, é sagrado. Antes que você pense errado, sim, eles lavam os cabelos, ok?
Acredito que o fato de as tailandesas terem cabelos longos é devido a esse fato, também. Cortar cabelo, alguém mais tocar na sua cabeça...

5 - Nunca aponte seus pés para algo ou alguém

Eu não sei vocês, mas eu tenho mania de segurar porta com o pé, por exemplo. No dia que eu for para a Tailândia, não poderei fazer isso, porque eles acreditam que o pé é a parte mais suja e baixa do corpo inteiro.

6 - Roupas / Corpo

Os tailandeses lavam suas roupas separadamente: as roupas de cima separadas das do resto do corpo. Então blusas, sutiãs, casacos, etc, vão antes ou depois das calças, cuecas, etc. Segundo a religião deles, a parte de cima do corpo é sagrada e a parte de baixo, suja, impura. A regra vale para colocar a roupa para secar, guardar a roupa e até mesmo pra se secar depois do banho (eles não usam a mesma toalha para secar o corpo todo).

7- Demonstrações de afeto
Você vai ver em fotos, vídeos, novelas, etc que os tailandeses são bichos esquisitos quanto a demonstrações de carinho. Eles andam de mãos dadas, abraçam, beijam - os amigos. Agora casal mesmo quase não faz isso.

8- "Men Pai Rai"
"Men Pai Rai" nada mais é do que "Não importa". Tailandeses são do tipo de pessoas que acham que existe outras coisas para se importar, não adianta discutir por isso. Discutir por uma batatinha frita? "Men Pai Rai".
Só não vá falar para sua mãe, que veio perguntar da nota baixa na prova, "Men Pai Rai". Se ela sabe tailandês, não te ensinei nada, viu?

9 - Padrinho de casamento paga
É, você não leu errado. É normal o padrinho do casamento pagar uma certa quantia para os pais da noiva, para mostrar que ele é capaz de cuidar da(s) criança(s) que poderá(ão) vir daquela união. Antes que você se assuste e pense "Meu Deus, nunca vou aceitar ser padrinho de um casal tailandês!", o dinheiro geralmente é dado para os recém casados.

10 - Nomes
Vocês já devem ter percebido que os nomes por lá são absurdamente grandes. Só o nome do Koen, do K-Otic, eu demorei uns dois meses pra aprender a falar. Isso é porque eles tentam ao máximo serem "únicos", então cada nome precisa ter mais do que dez (isso mesmo, DEZ!) ideogramas tailandeses, sendo que dígrafos e vogais não contam. Sem contar que eles estão sempre mudando o nome...
Por isso todo mundo tem apelidos, e é até mais fácil reconhecê-los assim. Ok que o que tem de "Waii" e "Fluke" naquele país é absurdo, mas é preferível isso do que um nome indecifrável.
Você que reclama que seu nome é "João" ou "Maria", imagina seu nome ser algo gigante, cheio de letras, que se você pronuncia errado, vira outra coisa, com outro sentido? Pense outra vez antes de reclamar!

EXTRA!

11 - Aniversários - O homem que paga!
Os tailandeses têm um monte de coisas que para nós seriam absurdo. Aniversário é um deles. Aqui, nós fazemos festinha, bolinho, fulaninho, cicraninho, música da Xuxa tocando - lá é diferente. Você ganha um livro e olhe lá! Um "parabéns aí, cara" também é válido.
Mas como a cultura está se adaptando ao Ocidente, as crianças vêem nos filmes e querem igual. Não vou dizer que eles chamam a trupe toda e tocam Xuxa a noite toda, mas eles já chamam os amigos mais chegados, mais pra noite, compram um bolo. Geralmente (ou melhor, SEMPRE) eles acordam cedo, vão no templo e oferecem comida aos monges.
Agora, se você é um homem, e você chama sua galera pra tomar uma Coca Cola, saiba que você que paga. Em certas partes da Tailândia, são os convidados que recebem presentes. Não esqueça de me convidar para seu aniversário, ka!!

Certas coisas da cultura Thai estão mudando devido ao contato com o Ocidente. Mas como em todas as culturas, se você procura só um pouquinho, encontra gente fiel às crenças. É como ir para o interior do Rio Grande do Sul, por exemplo, e ver que nas famílias, os homens ainda usam roupas tradicionais, dançam nas festas, as gurias usam roupa de prenda, tem Invernada, etc etc. Tudo muda. A cultura se adapta mas nunca se perde.

Volto depois com mais Coisas de Thai. Voltarei com mais novidades e mais coisinha QQQ para vocês.
Comentem dizendo o que acharam (:

3 comentários:

thaimusicbr disse...

ri demais me imaginando em algumas situaçoes, tipo a do pedala ahauahaa

e traga mais curiosidades hohoho

Lady of Death disse...

Deh amei seu post *----*

quero aprender ao maximo sobre a Tailandia, e vc será minha "mestra" saushuahsua

bjusss

Nanda disse...

auaushausa cara eu ja sabia umas dessas ai, mas a doi pedala sabia não, nem do homem pagar XD
bom saber dessas coisas hohohohoh